Solicite seu Orçamento Online
BLOGPRÓ-ALERTA

Alarmes: Como escolher o sistema de segurança certo para a sua casa?

29/09/15 11:57 | Segurança

Para que a sua moradia seja à prova de intrusos, escolher um alarme ou um sistema de segurança certo para a sua casa é fundamental.

Já vimos cinco dicas para proteger a casa contra assaltos, mas mesmo assim, para estarmos ainda mais seguros nas nossas habitações e para quem não sabe por onde começar na escolha de um equipamento de segurança, iremos ver como fazer a escolha mais acertada.

É verdade que o acesso à sua casa pode ser dificultado, se tiver o cuidado de utilizar fechaduras reforçadas e grades nas janelas, mas os sistemas de segurança eletrónica são, sem dúvida, um complemento essencial para a segurança da sua casa.

Como escolher o sistema de segurança certo?

Comece por identificar quais os pontos mais frágeis da sua casa, caso das portas, janelas, garagem e jardim. Estes são os pontos a que deve prestar mais atenção tendo em vista a segurança da sua casa.

Com base neste aspeto, caso opte por instalar um sistema de alarme eletrónico garanta uma boa distribuição dos elementos do sistema de segurança. O teclado deve ficar nos acessos, a central de controlo num local discreto e os detetores devem ter uma boa distribuição.

Se vive numa vivenda de vários pisos, a unidade de controlo deve permitir que ative e desative os dispositivos por zona, assim à noite, por exemplo, poderá acionar os detetores do piso de baixo e os do piso superior poderão estar desligados.

Lembre-se que para se manter seguro, mesmo com um sistema de segurança eficaz, é fundamental estar atendo à sua manutenção, uma vez que os dispositivos alimentados por baterias exigem que as mesmas sejam substituídas.

Alarmes de montagem fácil

Facilmente encontra um sistema de alarme para instalar em sua casa em que se anuncia serem de fácil instalação e não necessitarem de um profissional para a sua montagem.

Nestes casos, lembre-se que ao adquirir um destes kits de alarme tem que ter o conhecimento para que instale o dispositivo no local certo, pois só assim ficará garantida a segurança e o bom funcionamento do alarme na sua casa.

Elementos essenciais que compõem o alarme da sua casa

Central de controlo: a central de controlo é a responsável pela receção dos sinais enviados pelos detetores e é também responsável pela ativação do alarme.

Teclado: tem como funcionalidade ativar e desativar o sistema de alarme. Este elemento deve estar instalado à entrada da sua casa. Também poderá ter comando à distância.

Dica:
Caso a central e o teclado estejam próximos devem ficar à entrada da casa.


Detetor de movimentos:
 sinaliza à central que existem movimentos em determinada zona da habitação. Para manter a segurança e tornar o sistema de alarme eficaz deve ser instalado nos locais mais propícios ao acesso de intrusos.

Sirenes: as sirenes podem ser interiores ou exteriores. Estas recebem os sinais de alerta da central de controlo e emitem sinais sonoros que alertam para a presença de algum movimento estranho. Caso instale um alarme com sirene tem que comunicar através de impresso próprio ao Governo Civil do seu distrito.

Botão de pânico: se está em sua casa e ouve algum barulho que lhe dê a entender que a sua segurança e da sua casa estão em causa deve ativar o alarme através do botão de pânico. Esta ferramenta é um alerta imediato e deve estar próximo da sua cama para que, por exemplo, durante a noite o possa acionar com rapidez.

Sistemas de alarme avançados

A oferta dos sistemas de alarme no mercado é muito diversificada e para manter a sua casa segura, caso esteja disposto a despender algum dinheiro saiba que tem sistemas de alarme muito avançados tecnologicamente. Pode optar nomeadamente por sistemas de alarme com funcionalidades de domótica que permitem, por exemplo, detetar quando as persianas sobem e descem, luzes acesas e apagadas, simulando a presença de pessoas em casa, ou até comunicar a presença de um idoso com imobilidade em casa.

Contratar uma empresa de segurança privada

Adquirir os serviços de uma empresa de segurança privada apresenta-se como uma alternativa aos kits de alarme, uma vez que apresentam soluções que se adequam às necessidades de cada cliente.

Neste caso, ao adquirir os serviços destas empresas de segurança o utilizador tem que cumprir o período de fidelização exigido e efetuar o pagamento da instalação do sistema de segurança na sua casa.

Caso opte por esta alternativa, lembre-se que quantas mais áreas necessárias de vigiar mais caro ficará o seu sistema de segurança.

Mantenha a sua casa segura

Como pode verificar existem inúmeras ofertas que lhe permitem ter um sistema de alarme em casa e assim manter a sua casa em segurança em qualquer momento.

A segurança é essencial e por isso não a negligencie, se não tem tempo nem paciência para fazer a sua própria instalação de alarme, o mais prudente será recorrer aos serviços de vigilância oferecidos pelas empresas de segurança privada.

Agora que já tem algumas dicas de como escolher o sistema de segurança certo para a sua casa, o melhor é pensar seriamente em instalar um sistema de segurança para que garanta a segurança da sua residência, tanto na sua presença como na sua ausência.

Página 1 de 2

Assine Nossa Newsletter

Entidades Certificadoras de Credibilidade